Variáveis do processo de briquetagem e qualidade de briquetes de biomassa florestal

Thielly Schmidt Furtado, Marina Valin, Martha Andreia Brand, Antonio Francisco Jurado Bellote

Resumo


Na busca pelo aproveitamento dos resíduos gerados desde a produção florestal até os processos de transformação industrial da biomassa, desenvolveu-se o processo de briquetagem. A aglomeração de partículas de madeira facilita as operações de  manuseio do material combustível, além de concentrar a energia disponível em termos de volume. O objetivo do presente trabalho foi avaliar se a matéria-prima tem influência na qualidade do briquete e verificar o efeito da pressão aplicada durante o processo nas  características energéticas e mecânicas do produto final, além de avaliar o comportamento da  mistura de materiais (MIX) em relação aos materiais puros. Os briquetes foram produzidos em uma briquetadeira piloto, tipo pistão hidráulico, a 120 ºC com pressão constante de 50 bar por oito minutos e 65, 95 ou 130 bar por dois minutos. Foram utilizados seis briquetes para cada tratamento. As características avaliadas foram poder calorífico superior (PCS), densidade aparente e resistência à compressão. A matéria-prima tem maior influência na qualidade dos briquetes do que a pressão de compactação. A baixa pressão é a mais indicada para briquetes de biomassa florestal de Pinus sp. Nesta, o MIX apresentou qualidade satisfatória de briquetes com PCS de 4.773 kcal kg-1, densidade aparente de 1.220 kg m-³ e resistência à compressão de 167 kgf cm-2.


doi: 10.4336/2010.pfb.30.62.101


Palavras-chave


sp.; poder calorífico superior; densidade; resistência à compressão

Texto completo:

PDF




Direitos autorais 2010

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

INDEXADORES:

ASP / EbscoAGRISAgrobase / Binagre , BDPACABI DirectCCNDiadorim , DOAJe.journalsForestry CompendiumGenamics JournalSeekGoogle AcadêmicoJournals for freeLatindexLivreMiarOasisbrPeriodicaPortal da CapesRCAAPRoadSabiiaScilitRedib.

 

Pesquisa Florestal Brasileira
Brazilian Journal of Forestry Research

 

Este periódico é afiliado à Associação Brasileira de Editores Científicos.


Os originais publicados na Pesquisa Florestal Brasileira estão disponibilizados de acordo com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional