Caracterização da estrutura e da dinâmica de um remanescente de Floresta Ombrófila no Planalto Catarinense

Débora Vanessa Lingner, Yeda Maria Malheiros de Oliveira, Nelson Carlos Rosot, Fernando Luís Dlugosz

Resumo


O presente trabalho teve como objetivo caracterizar a estrutura e a dinâmica de um remanescente de FOM. Para isso, analisaram-se dados obtidos de dez parcelas permanentes (25 m x 100 m), instaladas na Reserva Florestal Embrapa-Epagri, Caçador, SC, em áreas onde se constata a predominância da Araucaria angustifolia.
Todos os indivíduos com CAP 60 cm foram medidos e identificados. A coleta de dados foi realizada anualmente entre 2004 e 2007, caracterizando-se a dinâmica para este período. A análise da estrutura se deu a partir da aplicação de parâmetros e índices fitossociológicos, além da avaliação da distribuição diamétrica. Foram verificadas 41 espécies, distribuídas em 24 famílias. As espécies que  apresentaram maior valor de importância ampliado foram Araucaria angustifolia, Ocotea porosa, Cupania vernalis, Capsicodendron dinisii e Matayba elaeagnoides. A curva de distribuição do número de árvores por classe de diâmetro apresentou a forma de "J" invertido. O índice de diversidade de Shannon-Weaver (H') para as espécies e famílias foi de 2,54 e 2,22, respectivamente. Grande parte das espécies apresentou distribuição uniforme, de acordo com o Índice de
McGuinnes. O Índice de similaridade de Jaccard praticamente não ultrapassou valores > 50 %. O estudo da dinâmica revelou baixos incrementos em diâmetro e taxas de mortalidade superiores às de ingresso.

Palavras-chave


Floresta Ombrófila Mista, parcelas permanentes, fitossociologia e distribuição diamétrica

Texto completo:

pdf




Direitos autorais 2010

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

INDEXADORES:

ASP / Ebsco, AGRIS, Agrobase / Binagre , BDPA, CABI Direct, CCN, CIRS, Diadorim , DOAJ, e.journals, Forestry Compendium, Genamics JournalSeek, Google Acadêmico, Journals for free, Latindex, Livre, Miar, OasisbrPortal da Capes, RCAAP, Road, Sabiia, Scilit, Redib

.

Pesquisa Florestal Brasileira
Brazilian Journal of Forestry Research

 

Este periódico é afiliado à Associação Brasileira de Editores Científicos.


Os originais publicados na Pesquisa Florestal Brasileira estão disponibilizados de acordo com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional