Eficiência do Delineamento Experimental e Capacidade de Teste no Melhoramento Genético da Erva-Mate (Ilex paraguariensis St. Hil.)

José Alfredo Sturion, Marcos Deon Vilela de Resende

Resumo


A seleção de plantas perenes é efetuada com base no ordenamento dos valores genéticos dos indivíduos candidatos à seleção, obtidos a partir de seus valores fenotípicos, os quais são mais precisos quanto maior  for o controle da heterogeneidade ambiental. Assim, o presente trabalho teve por objetivos estudar: 1) a capacidade do teste e a eficiência do delineamento  experimental em termos de controle local, por meio da  significância do teste F de Snedecor para efeito de  blocos; 2) a variabilidade espacial dentro dos blocos  por meio do coeficiente de correlação intraclasse entre  indivíduos de uma mesma parcela (c2); e 3) a  interação genótipo x ambiente dentro do sítio pelo  coeficiente de correlação genética entre repetições. Os  dados referem-se ao peso de massa foliar obtida aos seis anos de idade, por ocasião da terceira poda, em  um teste com 141 progênies de meios-irmãos de  erva-mate (Ilex paraguariensis var. paraguariensis),  instalado na região de Ivai – PR, no delineamento de blocos ao acaso com dez repetições e parcelas lineares com seis plantas, no espaçamento de 3 x 2 m. Devido a significância do teste F entre blocos e o baixo valor    para c2 (0,0799), conclui-se que, tanto o delineamento  utilizado, como a capacidade do teste,   foram eficientes. Já o ganho genético corrigido para o peso de massa foliar acusou uma perda de 3,48% em função da interação genótipo x ambiente dentro do  sítio.

Palavras-chave


Variabilidade espacial, correlação genética, coeficiente de correlação intraclasse na parcela

Texto completo:

PDF




Direitos autorais 2011

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

INDEXADORES:

ASP / Ebsco, AGRIS, Agrobase / Binagre , BDPA, CABI Direct, CCN, CIRS, Diadorim , DOAJ, e.journals, Forestry Compendium, Genamics JournalSeek, Google Acadêmico, Journals for free, Latindex, Livre, Miar, OasisbrPortal da Capes, RCAAP, Road, Sabiia, Scilit, Redib

.

Pesquisa Florestal Brasileira
Brazilian Journal of Forestry Research

 

Este periódico é afiliado à Associação Brasileira de Editores Científicos.


Os originais publicados na Pesquisa Florestal Brasileira estão disponibilizados de acordo com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional