Potencial de briquetagem de resíduos florestais da região do Seridó, no Rio Grande do Norte

Rosimeire Cavalcante dos Santos, Angélica de Cássia Oliveira Carneiro, Renato Vinícius Oliveira Castro, Alexandre Santos Pimenta, Ana Flávia Neves Mendes Castro, Itaragil Venâncio Marinho, Mariana Almeida Villas Boas

Resumo


Esse trabalho teve como objetivos avaliar o potencial de aproveitamento de resíduos gerados pela exploração florestal de espécies que ocorrem no semiárido brasileiro na região do Seridó, Estado do Rio Grande do Norte, para a produção de briquetes, determinar as propriedades físicas e mecânicas dos briquetes, correlacionar a densidade da madeira com a densidade após a produção dos briquetes, e a densidade dos briquetes com a resistência à compressão. Foram coletadas 32 árvores (oito espécies com quatro repetições). A avaliação das propriedades físicas e químicas entre as madeiras foram realizadas segundo um delineamento inteiramente casualizado. Para as variáveis relacionadas aos briquetes, adotou-se o mesmo delineamento, com três repetições por espécie, totalizando 24 unidades amostrais. Os briquetes produzidos com a madeira de jurema-preta se destacaram em função dos maiores teores de carbono fixo, poder calorífico, e resistência à compressão plana. Os briquetes produzidos com os resíduos da madeira de imburana apresentaram os piores desempenhos para os parâmetros estudados. Foi observada correlação negativa entre a densidade básica das madeiras e o ganho de densidade relativa aparente dos briquetes e correlação positiva entre a densidade aparente dos briquetes e a resistência à compressão plana.

doi: 10.4336/2011.pfb.31.68.285


Palavras-chave


Resíduos florestais, Briquetagem, Energia renovável, Região semiárida brasileira

Texto completo:

PDF




Direitos autorais 2011

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

INDEXADORES:

ASP / Ebsco, AGRIS, Agrobase / Binagre , BDPA, CABI Direct, CCN, CIRS, Diadorim , DOAJ, e.journals, Forestry Compendium, Genamics JournalSeek, Google Acadêmico, Journals for free, Latindex, Livre, Miar, OasisbrPortal da Capes, RCAAP, Road, Sabiia, Scilit, Redib

.

Pesquisa Florestal Brasileira
Brazilian Journal of Forestry Research

 

Este periódico é afiliado à Associação Brasileira de Editores Científicos.


Os originais publicados na Pesquisa Florestal Brasileira estão disponibilizados de acordo com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional