Cerambycidae associados a Ocotea puberula

Leopoldo Witeck Neto, Dionísio Link, Mauricio Batistella Pasini

Resumo


A busca por informações sobre as espécies de cerambicídeos associadas à Ocotea puberula (Rich.) Nees (Lauraceae) em galhos cortados por Oncideres cervina Thomson, 1868 (Cerambycidae: Coleoptera), motivou o presente estudo. De 49 galhos cortados do hospedeiro na região central do estado do Rio Grande do Sul, determinou-se a emergência de cerambicídeos com avaliações bissemanais. Além de O. cervina, o serrador dos galhos, foram observadas três espécies de cerambicídeos, Trestonia capreola (Germar, 1824), Dihammaphora signaticollis Chevrolat, 1859 e Tropidozineus rotundicollis (Bates, 1863) (Cerambycidae: Coleoptera), sendo para duas o primeiro registro de planta hospedeira desta família botânica. O período de emergência dos cerambicídeos de galhos de O. puberula foi de setembro a dezembro, com acme populacional em novembro.


Palavras-chave


Coleoptera; Biologia; Oncideres cervina; Planta hospedeira

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.4336/2013.pfb.33.76.357



Direitos autorais 2013

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

INDEXADORES:

ASP / Ebsco, AGRIS, Agrobase / Binagre , BDPA, CABI Direct, CCN, CIRS, Diadorim , DOAJ, e.journals, Forestry Compendium, Genamics JournalSeek, Google Acadêmico, Journals for free, Latindex, Livre, Miar, OasisbrPortal da Capes, RCAAP, Road, Sabiia, Scilit, Redib

.

Pesquisa Florestal Brasileira
Brazilian Journal of Forestry Research

 

Este periódico é afiliado à Associação Brasileira de Editores Científicos.


Os originais publicados na Pesquisa Florestal Brasileira estão disponibilizados de acordo com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional