Estimativa de biomassa e carbono total para árvores de caixeta no Paraná

Lara Clímaco de Melo, Carlos Roberto Sanquetta, Ana Paula Dalla Corte, Ângela Maria Klein Hentz

Resumo


O objetivo deste trabalho foi realizar o ajuste de modelos para estimar biomassa e carbono total de indivíduos de caixeta (Tabebuia cassinoides (Lam.) DC.), localizado em Guaratuba, litoral Paranaense, Brasil. Foram testados 13 modelos, e a escolha do melhor baseou-se nos indicadores estatísticos R2aj, Syx(%) e análise gráfica dos resíduos. Realizou-se ainda, como critério complementar de escolha, a avaliação das condicionantes de regressão dos resíduos dos melhores modelos. Não foram feitos ajustes de biomassa e carbono por compartimentos devido à baixa correlação entre as variáveis dependentes (biomassa e carbono) e independentes, diâmetro à altura do peito (dap) e altura total (h). Para a biomassa total, o modelo Y = β0 + β1*dap se mostrou superior aos demais, apresentando um R2aj de 0,96 e Syx(%) de 7,94. Para carbono, melhor ajuste foi obtido pelo modelo (Y = β0 + β1*dap + β2*dap2 + β3*dap3 + β4*dap4, com valores de R2aj 0,97 e Syx (%) 8,09. Constatou-se a baixa variação dos resíduos para ambos os modelos. A variável altura total, utilizada de forma isolada, revelou-se inadequada para explicar as variáveis biomassa total e carbono total.


Palavras-chave


Modelagem; Mata Atlântica; Fixação de carbono; Tabebuia cassinoides

Texto completo:

pdf


DOI: https://doi.org/10.4336/2014.pfb.34.77.592



Direitos autorais 2014

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

INDEXADORES:

ASP / Ebsco, AGRIS, Agrobase / Binagre , BDPA, CABI Direct, CCN, CIRS, Diadorim , DOAJ, e.journals, Forestry Compendium, Genamics JournalSeek, Google Acadêmico, Journals for free, Latindex, Livre, Miar, OasisbrPortal da Capes, RCAAP, Road, Sabiia, Scilit, Redib

.

Pesquisa Florestal Brasileira
Brazilian Journal of Forestry Research

 

Este periódico é afiliado à Associação Brasileira de Editores Científicos.


Os originais publicados na Pesquisa Florestal Brasileira estão disponibilizados de acordo com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional