Padrão espacial e demografia de duas espécies arbóreas tropicais do bioma Caatinga

Maira Fontes Manzan, Cristiane Gouvêa Fajardo, Fábio de Almeida Vieira

Resumo


Aspidosperma pyrifolium (Apocynaceae) e Caesalpinia pyramidalis (Fabaceae) compartilham o mesmo habitat no bioma Caatinga. Neste trabalho, investigamos as interações intra e interespecíficas por meio do padrão espacial entre coortes. Os resultados mostraram que as plantas adultas de cada espécie apresentam elevados níveis de densidade em curtas distâncias (9 m e 12 m). No entanto, devido à dispersão de sementes via autocoria, esperávamos uma densidade mais agregada para C. pyramidalis do que em A. pyrifolium, que tem dispersão anemocórica. Não foi observada diferença de agregação espacial entre coortes e, portanto, os resultados contradizem as expectativas da hipótese de Janzen-Connell. É provável que isto esteja associado a fatores antrópicos no passado, tais como incêndio, pecuária e exploração madeireira. Por meio da análise bivariada da densidade de vizinhos, foi confirmada a coexistência significativa das duas espécies. Isto pode ser explicado pelo processo de interações interespecíficas positivas, tais como a facilitação, que é comum em regiões semiáridas, sob condições estressantes.

Palavras-chave


Aspidosperma pyrifolium Caesalpinia pyramidalis; Coortes; Coexistência de plantas; Padrão espacial

Texto completo:

PDF (English)


DOI: https://doi.org/10.4336/2014.pfb.34.80.634



Direitos autorais 2014

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

INDEXADORES:

ASP / EbscoAGRISAgrobase / Binagre , BDPACABI DirectCCNDiadorim , DOAJe.journalsForestry CompendiumGenamics JournalSeekGoogle AcadêmicoJournals for freeLatindexLivreMiarOasisbrPeriodicaPortal da CapesRCAAPRoadSabiiaScilitRedib.

 

Pesquisa Florestal Brasileira
Brazilian Journal of Forestry Research

 

Este periódico é afiliado à Associação Brasileira de Editores Científicos.


Os originais publicados na Pesquisa Florestal Brasileira estão disponibilizados de acordo com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional