Mudas de castanha-do-gurguéia micorrizadas sob níveis de esterco de caprinos

José Jeremias Fernandes Oliveira, Tamnata Ferreira Alixandre, João Marcos Sousa Miranda

Resumo


A hipótese testada foi de que ocorre potencialização do crescimento de mudas castanha-do-gurguéia (Dipteryx lacunifera Ducke) em substrato formado com esterco caprino e inoculadas com Claroideoglomus etunicatum. Aos 90 dias após a semeadura foram avaliados: altura de planta, diâmetro do caule, número de folhas, número de folíolos, comprimento radicular, diâmetro radicular, volume radicular, números de raízes secundarias, massa seca de raízes e, massa seca da parte aérea. Os índices de qualidade de mudas avaliados foram a relação entre a altura da parte aérea e o diâmetro do caule, a relação entre a massa seca da parte aérea e a massa seca da raiz e o índice de qualidade de Dickson. A inoculação do substrato com o isolado C. etunicatum promove o crescimento e incremento de fitomassa de mudas de castanha-do-gurguéia. O nível de 10% de esterco de caprino em areia promoveu o crescimento de mudas de castanha-do-gurguéia.

Palavras-chave


Dipteryx lacunifera Ducke; Claroideoglomus etunicatum; Orgânico

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.4336/2015.pfb.35.83.711



Direitos autorais 2015

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

INDEXADORES:

ASP / Ebsco, AGRIS, Agrobase / Binagre , BDPA, CABI Direct, CCN, CIRS, Diadorim , DOAJ, e.journals, Forestry Compendium, Genamics JournalSeek, Google Acadêmico, Journals for free, Latindex, Livre, Miar, OasisbrPortal da Capes, RCAAP, Road, Sabiia, Scilit, Redib

.

Pesquisa Florestal Brasileira
Brazilian Journal of Forestry Research

 

Este periódico é afiliado à Associação Brasileira de Editores Científicos.


Os originais publicados na Pesquisa Florestal Brasileira estão disponibilizados de acordo com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional