Caracterização energética de pellets in natura e torrificados produzidos com madeira residual de Pinus

Thiago de Paula Protásio, Paulo Fernando Trugilho, Humberto Fauller de Siqueira, Isabel Cristina Nogueira Alves de Melo, Carlos Rogério Andrade, José Benedito Guimarães Junior

Resumo


O objetivo deste estudo foi avaliar pellets torrificados e in natura,produzidos a partir da madeira residual de Pinus, destinados ao uso bioenergético. A compactação da madeira residual de Pinus sp. oriunda de serraria foi realizada em uma peletizadora com matriz plana de 8 mm. As torrefações foram realizadas em forno elétrico, tipo mufla, estabilizado em temperaturas finais de 220 °C e 250 °C por 30 min. Foram determinadas as seguintes propriedades nos pellets: densidades aparente e energética unitárias, densidades a granel e energética do granel, composição química imediata (materiais voláteis, cinzas e carbono fixo), poder calorífico superior e umidade. Observou-se aumento do poder calorífico superior e redução do teor de umidade nos pellets torrificados, contudo, o ganho em valor calórico foi inferior à perda de massa dos pellets após a torrefação, reduzindo assim a densidade energética dos pellets. Os pellets in natura apresentam potencial de comercialização em países europeus, como Alemanha, Áustria e Suécia. A metodologia utilizada para torrefação não é indicada para o tratamento térmico de pellets. Porém, recomendam-se novas pesquisas sobre torrefação de pellets em uma faixa mais ampla de temperatura e tempo de residência, visando determinar parâmetros que otimizem as propriedade energéticas.


Palavras-chave


Densificação; Tratamento térmico; Biomassa florestal; Energia

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.4336/2015.pfb.35.84.843



Direitos autorais 2015

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

INDEXADORES:

ASP / Ebsco, AGRIS, Agrobase / Binagre , BDPA, CABI Direct, CCN, CIRS, Diadorim , DOAJ, e.journals, Forestry Compendium, Genamics JournalSeek, Google Acadêmico, Journals for free, Latindex, Livre, Miar, OasisbrPortal da Capes, RCAAP, Road, Sabiia, Scilit, Redib

.

Pesquisa Florestal Brasileira
Brazilian Journal of Forestry Research

 

Este periódico é afiliado à Associação Brasileira de Editores Científicos.


Os originais publicados na Pesquisa Florestal Brasileira estão disponibilizados de acordo com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional