Influência de fertilizante de liberação controlada em mudas de Tabernaemontana catharinensis

Mauricio Ferrari, Edison Bisognin Cantarelli, Velci Queiróz de Souza, Maicon Nardino, Ivan Ricardo Carvalho, Alan Júnior de Pelegrin, Vinicius Jardel Szareski, Guilherme Pelissari

Resumo


O objetivo deste trabalho foi avaliar a influência de diferentes doses de fertilizantes de liberação controlada em Tabernaemontana catharinensis. O experimento foi conduzido em Frederico Westphalen, RS, sendo testadas cinco doses e dez repetições alocadas em delineamento experimental inteiramente casualizado. As variáveis analisadas foram: incrementos de diâmetro do caule, da altura da planta e peso de matéria seca da parte área. Observou-se que o efeito das doses 3 e 6 kg m-3 comportaram-se de forma semelhante, havendo incremento no desenvolvimento de mudas de jasmim-catavento, mostrando efeitos negativos em doses mais altas.

Palavras-chave


Apocynaceae; Jasmim-catavento; Nutrição vegetal

Texto completo:

PDF

Referências


Alyas, W. W. F. et al. Efeito de Glomus etunicatum e fósforo no crescimento inicial de espécies arbóreas em semeadura direta. Pesquisa Agropecuária Brasileira, v. 38, n. 2, p. 1-17, 2003. DOI: 10.1590/S0100-204X2003000200013.

Caldeira, M. V. W. et al. Influência de vermicomposto na produção de mudas de Pinus elliottii Engelm. Ciências Agrárias e Ambientais, v. 1, n. 3, p. 47-53, 2003.

Canaveze, Y. Estrutura, origem e desenvolvimento de laticíferos e coléteres em plantas de Tabernaemontana catharinensis A.DC. (Rauvolfioideae, Apocynaceae) em diferentes fases do desenvolvimento vegetativo. 2012. Tese (Mestrado em Ciências Biológicas) – Universidade Estadual Paulista, Botucatu.

Cruz, C. D. Genes: a software package for analysis in experimental statistics and quantitative genetics. Acta Scientiarum Agronomy, v. 35, n. 3, p. 271-27, 2013. DOI: 10.4025/actasciagron.v35i3.21251.

Furtini Neto, A. E. et al. Eficiência nutricional de mudas de Eucalyptus em relação a fósforo. Revista Árvore, v. 20, n. 1, p. 17-28, 1996.

Gandini, A. M. M. et al. Capacidade competitividade do jatobá com adubos verdes, forrageiras e plantas daninhas. Revista Planta Daninha, v. 29, n. especial, p. 991-999, 2011. DOI: 10.1590/S0100-83582011000500005.

Lang, A. et al. Aplicação de fertilizante de liberação lenta no estabelecimento de mudas de ipê-roxo e angico-branco em área de domínio ciliar. Floresta, v. 41, n. 2, p. 271-276, 2011. DOI: 10.5380/rf.v41i2.21874.

Leitão, T. E. M. F. S. et al. Avaliação de mudas de mamão submetidas á diferentes níveis de adubação nitrogenada. Revista Caatinga, v. 22, n. 3, p. 160-165, 2009.

Lorenzi, H. Árvores brasileira: manual de identificação e cultivo de plantas arbóreas nativas do Brasil. 4. ed. Nova Odessa, São Paulo, 2002. v. 1.

Lorenzi, H. Árvores Brasileiras: manual de identificação e cultivo de plantas arbóreas nativas do brasil. Nova Odessa: Instituto Plantarum, 2009. v. 3.

Mendonça, V. et al. Diferentes ambientes e Osmocote® na produção de mudas de tamarindeiro (Tamarindus indica). Ciência e Agrotecnologia, v. 32, n. 2, p. 391-397, 2008. DOI: 10.1590/S1413-70542008000200007.

Moraes Neto, S. P. et al. Fertilização de mudas de espécies arbóreas nativas e exóticas. Revista Árvore, v. 27, n. 2, p. 129-137, 2003.

Morgado, I. F. Resíduos agroindustriais prensados como substrato para a produção de mudas de Eucalyptus grandis Hill ex-Maiden e Saccharum spp. 1998. 102 f. Tese (Doutorado em Produção Vegetal) - Universidade Estadual do Norte Fluminense, Campos dos Goytacazes, Niterói.

Pias, H. C. et al. Dodes de fertilizantes de liberação controlada no índice de clorofila e na produção de mudas de grápia. Pesquisa Florestal Brasileira, v. 33, n. 73, p. 19-26, 2013. DOI: 10.4336/2013.pfb.33.73.419.

Pilati, R. & Souza, L. A. Morfo-anatomia da plântula de Tabernaemontana catharinensis A. DC. (Apocynaceae). Acta Cientifica Venezolana, 57, n. 2, p. 66-71, 2006.

Quinet, C. G. P. & Andreata, R. H. P. Estudo taxonômico e morfológico das espécies de Apocynaceae Adans. na reserva Rio das Pedras, município de Mangaratiba, Rio de Janeiro, Brasil. Pesquisa Botânica, n. 56. p. 13-74, 2005.

Rossa, U. B. et al. Fertilizantes de liberação lenta no desenvolvimento de mudas de Schinus terebinthifolius e Sebastiania commersoniana. Floresta, v. 43, n. 1, p. 93-104, 2013. DOI: 10.5380/rf.v43i1.25690.

Santos, H. G. dos et al. (Ed.). Sistema brasileiro de classificação de solos. 2. ed. Rio de Janeiro: Embrapa Solos, 2006. 306 p.

Schumacher, M. V. et al. Influência de diferentes doses de fósforo no crescimento de mudas de angico-vermelho (Parapiptadenia rigida (Bentham) Brenan). Revista Árvore, v. 28 n. 1, p. 149-155, 2004. DOI: 10.1590/S0100-67622004000100019.

Scivittaro, W. B. et al. Doses de fertilizantes de liberação lenta na formação do porta-enxerto “Trifoliata”. Revista Brasileira de Fruticultura, v. 26, n. 3, p. 520-523, 2004. DOI: 10.1590/S0100-29452004000300035.

Vargas, F. S. et al. Efeito da mudança de recipient em viveiro na qualidade de mudas de Cassia leptophylla Vogel, Eugenia involucrate DC. e de Cedrela fissilis Vell. Revista Acadêmica Ciência Agrária e Ambiental, v. 9, n. 2, p. 169-177, 2011.




DOI: https://doi.org/10.4336/2016.pfb.36.88.968



Direitos autorais 2016

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

INDEXADORES:

ASP / EbscoAGRISAgrobase / Binagre , BDPACABI DirectCCNDiadorim , DOAJe.journalsForestry CompendiumGenamics JournalSeekGoogle AcadêmicoJournals for freeLatindexLivreMiarOasisbrPeriodicaPortal da CapesRCAAPRoadSabiiaScilitRedib.

 

Pesquisa Florestal Brasileira
Brazilian Journal of Forestry Research

 

Este periódico é afiliado à Associação Brasileira de Editores Científicos.


Os originais publicados na Pesquisa Florestal Brasileira estão disponibilizados de acordo com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional