Investigando a geração de resíduos do processamento mecânico da madeira de duas espécies florestais

Autores

DOI:

https://doi.org/10.4336/2022.pfb.42e202002138

Palavras-chave:

Produção vegetal, Serraria, Produto florestal

Resumo

A serra circular é uma ferramenta comumente empregada para o processamento de madeira, sendo apresentada em diversos modelos e, por suas especificidades, podem interferir na quantidade de resíduos gerados. O objetivo deste estudo foi avaliar a geração de resíduos de Tectona grandis L. f. e Pinus caribaea var. hondurensis, processadas com duas serras do tipo múltipla (48 e 36 dentes) e uma do tipo universal (28 dentes). Foram efetuados cortes a favor da grã em noventa corpos de prova, 15 para cada espécie e serra, até o processamento completo da amostra. Foi medido o tempo de processamento e coletado o resíduo em cada operação. A ANOVA e o teste de comparação múltipla de médias foram aplicados. Constatou-se a influência do número de dentes e do tipo de serra na quantidade de resíduos gerados. A serra do tipo universal foi a que gerou maior quantidade média de resíduos, resultando em 116% a mais em comparação com a serra múltipla que gerou menor volume de resíduos (36 dentes). P. caribaea var. hondurensis gerou 7% mais resíduos e menor tempo de processamento (22%), quando comparado a T. grandis.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carlos Eduardo Silveira da Silva, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro

http://lattes.cnpq.br/9842202527152359

Carolina Nogueira Xavier, Universidade Federal de Lavras

http://lattes.cnpq.br/0493427948599513

Amanda Arantes Junqueira, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro

http://lattes.cnpq.br/1081152314154909

Osmar de Freitas Neves Junior, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro

http://lattes.cnpq.br/9062865581929354

Paulo César Leal de Carvalho, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro

http://lattes.cnpq.br/4344132031743539

Adriana Cazelgrandi Torres, Faculdade de Educação Tecnológica do Estado do Rio de Janeiro

http://lattes.cnpq.br/7895506005280397

Alexandre Monteiro de Carvalho, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro

http://lattes.cnpq.br/1858250183196632

Referências

American Society for Testing and Materials. ASTM D 1666-11: Standard method for conducting machining tests of wood and wood base materials. Philaldelphia, 2011.
Amorim, P. G. R. et al. Propriedades da madeira de Pinus caribaea e Eucalyptus grandis estimadas por colorimetria. Cerne, v. 19, n. 3, p. 461-466, 2013. http://dx.doi.org/10.1590/S0104-77602013000300013.
Associação Brasileira da Indústria de Madeira Processada Mecanicamente (ABIMCI). (Ed.) Estudo Setorial 2009 - Ano Base 2008. Curitiba: ABIMCI, 2009. 48 p.
Bonduelle, G. M. et al. Análise da massa específica e da retratibilidade da madeira de Tectona grandis nos sentidos axial e radial do tronco. Floresta, v. 45, n. 4, p. 671, 2015. http://dx.doi.org/10.5380/rf.v45i4.31991.
Çakmak, A. & MalkoçoÄŸlu, A. A. Importance of Saw Blade Geometry and Technic Conditions in Machining of Wood Materials in Circular Saw Machines. NevÅŸehir Bilim Ve Teknoloji Dergisi, v. 08, n. 02, p. 114-124, 2019. http://doi.org/10.17100/nevbiltek.441857.
Carmo, J. F. et al. Influência da geometria dos dentes das laminas de serra de fita na qualidade e produtividade da madeira serrada. Floresta, v. 44, n. 2, p. 291-302, 2014. http://dx.doi.org/10.5380/rf.v44i2.28958.
Davim, J. P. Wood machining. New York: John Wiley & Sons, 2013. 288 p.
Dias Júnior, A. F. et al. Caracterização de briquetes produzidos com resíduos agroflorestais. Pesquisa Florestal Brasileira, v. 34, n. 79, p. 225-234, 2014. https://doi.org/10.04336/2014.pfb.34.79.613.
Fagundes, H. A. V. Produção de madeira serrada e geração de resíduos de processamento de madeira de florestas plantadas no Rio Grande do Sul. 2003. 163 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre.
Garcia, F. M. et al. Rendimento no desdobro de toras de Itaúba (Mezilaurus itauba) e Tauari (Couratari guianensis) segundo a Classificação da Qualidade da Tora. Floresta e Ambiente; v. 19, n. 4, p. 468-474, 2012. https://doi.org/10.4322/floram.2012.059.
Garcia, R. A. & Marinonio, G. B. Variação da Cor da Madeira de Teca em Função da Densidade e do Teor de Extrativos. Floresta e Ambiente, v. 23, n. 1, p. 124-134, 2016. https://doi.org/10.1590/2179-8087.035313.
Gonçalez, J. C. et al. Growth ring width of Pinus caribaea var. hondurensis and its relationship with wood proprieties. Scientia Forestalis, v. 46, n. 118, p. 309-317, 2018. https://doi.org/10.18671/scifor.v46n118.16.
Gonçalves, M. T. T. Características de ferramentas de corte. Revista da Madeira, Curitiba, v. 57, n.1, p.34-36, 2001.
Kelyounssi, K. & Halim, M. An investigation on the texture and microstructure of carbonized charcoals produced by two-step pyrolysis. Journal of Analytical and Applied Pyrolysis, n. 109, p. 258 -265, 2014. https://doi.org/10.1016/j.jaap.2014.06.003.
Kminiak, R. & Gaff, M. Roughness of Surface Created by Transversal Sawing of Spruce, Beech, and Oak Wood. Bioresources, v. 10, n. 2, p. 2873-2887, 2015. https://doi.org/10.15376/biores.10.2.2873-2887.
Kminiak, R. & Kubł, J. Cutting Power during Cross-Cutting of Selected Wood Species with a Circular Saw. Bioresources, v. 11, n. 4, p. 10528-10539, 2016. https://doi.org/10.15376/biores.11.4.10528-10539.
Krilek, J. et al. Wood Crosscutting Process Analysis for Circular Saws. Bioresources, v. 9, n. 1, p. 1417-1429, 2014. https://doi.org/10.15376/biores.9.1.1417-1429.
Latorraca, J. V. F. et al. Anelamento e vaporização de toras visando otimização do processo de secagem da madeira eucalipto. Revista Brasileira de Ciências Agrárias, v. 10, n. 2, p. 273-279, 2015. https://doi.org/10.5039/agraria.v10i2a4601.
Lopes, C. M. D. et al. Avaliação da rugosidade superficial da madeira de Eucalyptus sp submetida ao fresamento periférico. Cerne, v. 20, n. 3, p. 471-476, 2014. https://doi.org/10.1590/0104776020142003875.
Louzada Junior, M. A. et al. O contexto brasileiro e as oportunidades de aproveitamento de resíduos de madeira. Revista Saúde e Meio Ambiente, v. 5, n. 3, p. 24-40, 2017.
Ministério do Meio Ambiente - MMA. Levantamento sobre a geração de resíduos provenientes da atividade madeireira e proposição de diretrizes para políticas, normas e condutas técnicas para promover o seu uso adequado. Sumário Executivo - Revisão 01, 35 p., 2009.
Nascimento, J. M. et al. Uso da serragem de madeira de Teca (Tectona grandis) modificada com ácido cítrico na biossorção de íons Cd (II) e Pb (II). Revista Ambiência Guarapuava, v. 12, n. 4, p. 955-968, 2016. http://doi.org/10.5935/ambiencia.2016.04.13.
Nasir, V. & Cool, J. A review on wood machining: characterization, optimization, and monitoring of the sawing process. Wood Material Science & Engineering, v. 15, n. 1, p. 1-16, 2020. https://doi.org/10.1080/17480272.2018.1465465.
Nassur, O. A. C. et al. Variações na qualidade de toras de Toona ciliata M. Roem. com dezoito anos de idade. Cerne, v. 19, n. 1, p. 43-49, 2013. https://doi.org/10.1590/S0104-77602013000100006.
Porankiewicz, B. et al. An attempt to analyze influence of properties of five African wood species on cemented carbide tool wearing. Bioresources, v. 11, n. 1, p. 585-598, 2016. https://doi.org/10.15376/biores.11.1.585-598.
Projeto de Piso de Madeira Sustentável (PIMADS). (Ed.) Gerenciamento de resíduos nas indústrias de pisos de madeira, Piracicaba: ANPM, 2013. 47 p.
Rizanti, D. E. et al. Comparison of teak wood properties according to forest management: short versus long rotation. Annals of Forest Science, v. 75, n. 2, p. 1-12, 2018.
Silva, J. C. et al. Influência da idade na usinabilidade da madeira de Eucalyptus grandis Hill ex. Maiden, visando uso na indústria moveleira. Scientia Forestalis, v. 43, n. 105, p. 117-125, 2015.
Silva, J. W. F. et al. Da biomassa residual ao briquete: Viabilidade técnica para produção de briquetes na microrregião de Dourados-MS. Revista Brasileira de Energias Renováveis, v. 6, n. 4, p. 624-646, 2017. http://dx.doi.org/10.5380/rber.v6i4.46401.
Trianoski, R. et al. Variação Longitudinal da Densidade Básica da Madeira de Espécies De Pinus Tropicais. Floresta, v. 43, n. 3, p. 503-510, 2013. http://dx.doi.org/10.5380/rf.v43i3.28252.
Ugulino, B. & Hernández, R. E. Effect of cutting parameters on dust emission and surface roughness during helical planing red oak wood. Wood and Fiber Science, v. 49, n 3, p. 323-331, 2017. https://doi.org/10.1007/s00107-016-1090-6Vissotto, J. P. et al. Gaseificação de serragem de Pinus em leito fluidizado. Revista Ciência e Tecnologia, v. 18, n. 32, p. 19-24, 2015.

Downloads

Publicado

14-12-2022

Como Citar

SILVA, Carlos Eduardo Silveira da; XAVIER, Carolina Nogueira; JUNQUEIRA, Amanda Arantes; JUNIOR, Osmar de Freitas Neves; CARVALHO, Paulo César Leal de; TORRES, Adriana Cazelgrandi; CARVALHO, Alexandre Monteiro de. Investigando a geração de resíduos do processamento mecânico da madeira de duas espécies florestais. Pesquisa Florestal Brasileira, [S. l.], v. 42, 2022. DOI: 10.4336/2022.pfb.42e202002138. Disponível em: https://pfb.cnpf.embrapa.br/pfb/index.php/pfb/article/view/2138. Acesso em: 21 jun. 2024.

Edição

Seção

Artigos Científicos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.