Modelagem da biomassa da regeneração natural em plantio de Pinus

Rafael Cubas, Emanuel Arnoni Costa, César Augusto Guimarães Finger, Viviane Zaniz Maydanchen

Resumo


 Dados confiáveis de biomassa são muito importantes na avaliação de ecossistemas, e auxiliam no entendimento da contribuição das florestas nas mudanças climáticas. Variáveis que descrevem o porte da árvore, como diâmetro e altura, estão associadas diretamente com a biomassa, o que permite o uso de modelos de regressão para a estimativa desse elemento. Este trabalho se propôs estimar, por modelos de regressão, a biomassa de diferentes compartimentos de árvores de regeneração natural em um plantio de Pinus taeda L. Os dados foram obtidos por meio do método destrutivo direto, utilizando-se 100 árvores selecionadas aleatoriamente no sub-bosque de um povoamento de P. taeda. Foram analisados três modelos aritméticos, três logarítmicos e dois modelos desenvolvidos pelo processo Stepwise. As equações logarítmicas desenvolvidas pelo procedimento Stepwise apresentaram as melhores estimativas para a biomassa aérea total e do fuste. Entretanto, para os compartimentos acículas e galhos, os melhores ajustes foram observados com o modelo de Husch, e para a predição da biomassa do sistema radicular, o modelo de Berkhout mostrou-se o mais adequado.


Palavras-chave


Peso; Copa; Pinus taeda

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.4336/2016.pfb.36.87.1091



Direitos autorais 2016

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

INDEXADORES:

ASP / Ebsco, AGRIS, Agrobase / Binagre , BDPA, CABI Direct, CCN, CIRS, Diadorim , DOAJ, e.journals, Forestry Compendium, Genamics JournalSeek, Google Acadêmico, Journals for free, Latindex, Livre, Miar, OasisbrPortal da Capes, RCAAP, Road, Sabiia, Scilit, Redib

.

Pesquisa Florestal Brasileira
Brazilian Journal of Forestry Research

 

Este periódico é afiliado à Associação Brasileira de Editores Científicos.


Os originais publicados na Pesquisa Florestal Brasileira estão disponibilizados de acordo com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional