Superação da dormência de sementes de jatobá

Allan Rocha Freitas, José Carlos Lopes, Miele Tallon Matheus, Liana Hilda Golin Mengarda, Luan Peroni Venancio, Marcos Vinicius Winckler Caldeira

Resumo


Devido às dificuldades para obtenção de sementes de boa qualidade fisiológica e de técnicas ideais para a reprodução seminífera, este estudo teve por objetivo avaliar a eficiência da escarificação na superação da dormência de sementes de jatobá (Hymenaea oblongifolia e Hymenaea courbaril var. stilbocarpa). O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado, com quatro repetições de 25 sementes. Os tratamentos adotados foram: sementes intactas (controle); escarificação mecânica com lixa d’água nº 100, do lado oposto ao embrião; e tratamento de escarificação com ácido sulfúrico (H2SO4) concentrado durante 30; 60; 90 e 120 minutos. A escarificação mecânica e escarificação química durante 30 e 60 minutos constituíram-se em tratamentos pré-germinativos eficientes na superação da dormência de sementes de Hymenaea oblongifolia e Hymenaea courbaril var. stilbocarpa.


Palavras-chave


Espécie nativa; Vigor; Germinação; Dormência

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.4336/2013.pfb.33.73.350



Direitos autorais 2013

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

INDEXADORES:

ASP / Ebsco, AGRIS, Agrobase / Binagre , BDPA, CABI Direct, CCN, CIRS, Diadorim , DOAJ, e.journals, Forestry Compendium, Genamics JournalSeek, Google Acadêmico, Journals for free, Latindex, Livre, Miar, OasisbrPortal da Capes, RCAAP, Road, Sabiia, Scilit, Redib

.

Pesquisa Florestal Brasileira
Brazilian Journal of Forestry Research

 

Este periódico é afiliado à Associação Brasileira de Editores Científicos.


Os originais publicados na Pesquisa Florestal Brasileira estão disponibilizados de acordo com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional