Avaliação de inseticida para controle da cigarra Quesada gigas em plantios de paricá

Odineila Martins Monteiro, Alexandre Mehl Lunz, Roni de Azevedo, Moisés Mourão Junior, Telma Fátima Vieira Batista

Resumo


Este trabalho objetivou determinar a dosagem mais eficiente e economicamente viável de inseticida químico para o controle de ninfas de Quesada gigas (Hemiptera: Cicadidae) em plantios de paricá. Foram testadas três dosagens de três produtos (carbofurano, imidacloprida e tiametoxam) baseadas na dosagem máxima recomendada para o controle de cigarras em cafeeiros e aplicadas em área total. A dosagem de um quilograma de produto comercial à base de tiametoxam por hectare foi a mais eficiente econômica e ambientalmente para controle de ninfas de Q. gigas em plantios de paricá.

Palavras-chave


Praga florestal; Proteção de plantas; Schizolobium parahyba var. amazonicum; Cicadoidea; Hemiptera

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.4336/2014.pfb.34.78.502



Direitos autorais 2014

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

INDEXADORES:

ASP / EbscoAGRISAgrobase / Binagre , BDPACABI DirectCCNDiadorim , DOAJe.journalsForestry CompendiumGenamics JournalSeekGoogle AcadêmicoJournals for freeLatindexLivreMiarOasisbrPeriodicaPortal da CapesRCAAPRoadSabiiaScilitRedib.

 

Pesquisa Florestal Brasileira
Brazilian Journal of Forestry Research

 

Este periódico é afiliado à Associação Brasileira de Editores Científicos.


Os originais publicados na Pesquisa Florestal Brasileira estão disponibilizados de acordo com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional