Caracterização química e energética para aproveitamento da madeira de costaneira e desbaste de cedro australiano

Lina Bufalino, Thiago de Paula Protásio, Allan Motta Couto, Otávio Augusto Carvalho Nassur, Vânia Aparecida de Sá, Paulo Fernando Trugilho, Lourival Marin Mendes

Resumo


O objetivo desse trabalho foi quantificar e comparar as propriedades químicas e energéticas da madeira de cedro australiano Toona ciliata MJ Roem var. australis (FV Muell.) C. DC proveniente de desbaste e desdobro para produção de painéis reconstituídos e energia, além de verificar a eficiência da remoção de extrativos por tratamentos em água para viabilizar a produção de painéis de partículas. Os teores de lignina, holocelulose, extrativos totais, cinzas, carbono, hidrogênio, oxigênio, nitrogênio, enxofre e poder calorífico superior foram determinados. Dois tratamentos em água para remoção de extrativos foram realizados nos materiais: imersão em água fria durante 24 horas e em água fervente durante 2 horas. Foram encontrados menores teores de cinzas, holocelulose, hidrogênio e nitrogênio e maiores teores de lignina e extrativos totais nos resíduos de madeira proveniente de costaneiras de desdobro primário. Para as outras propriedades, os valores foram estatisticamente iguais. A madeira de cedro australiano apresenta elevado teor de extrativos, sendo o pré-tratamento em água necessário para a produção de determinados painéis de partículas. Os valores de poder calorífico dos materiais indicam potencial para a produção de energia.

doi: 10.4336/2012.pfb.32.70.13


Palavras-chave


Extrativos totais, Resíduos sólidos, Painéis reconstituídos, Poder calorífico, Toona ciliata

Texto completo:

PDF




Direitos autorais 2012

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

INDEXADORES:

ASP / Ebsco, AGRIS, Agrobase / Binagre , BDPA, CABI Direct, CCN, CIRS, Diadorim , DOAJ, e.journals, Forestry Compendium, Genamics JournalSeek, Google Acadêmico, Journals for free, Latindex, Livre, Miar, OasisbrPortal da Capes, RCAAP, Road, Sabiia, Scilit, Redib

.

Pesquisa Florestal Brasileira
Brazilian Journal of Forestry Research

 

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional